WhatsApp
Facebook
Trabalho infantil foi discutido em capacitação para profissionais do município

A Prefeitura de Pinhais, através da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), realizou uma capacitação sobre a Erradicação do Trabalho Infantil para servidores da Semas, Secretarias Municipais de Educação e Saúde, membros do Comitê de Ações Estratégicas do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (AEPETI) e outros profissionais da área. O evento ocorreu no auditório da Fundação Weiss Scarpa na última segunda-feira (23).

O objetivo da ação é conscientizar e sensibilizar indivíduos e comunidades sobre os riscos e as consequências do trabalho infantil. Essa prática representa uma violação dos direitos humanos e pode ter impactos negativos tanto para as crianças envolvidas quanto para a sociedade em geral.

Além disso, o auditório da instituição foi palco de uma peça de teatro sobre o cyberbullying (assédio virtual) na terça-feira (24). A apresentação foi assistida por cerca de 350 crianças e adolescentes atendidos por várias organizações, incluindo o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, Espaço de Convivência e Cidadania, Centro da Juventude, Instituto João Ferraz de Campos, Fundação Weiss Scarpa, Apae e alunos do Colégio Estadual Semiramis de Barros Braga.

O fenômeno do cyberbullying tem se intensificado nos últimos anos, representando uma séria ameaça ao bem-estar emocional e mental de crianças, adolescentes e até mesmo adultos. Essa conduta é tipificada na Lei Federal 13.815/2015, que institui o Programa de Combate à Intimidação Sistemática (Bullying). Tanto no ambiente presencial quanto na internet, atos de intimidação sistemática incluem a difamação, incitação à violência, manipulação de fotos e informações pessoais com o propósito de causar constrangimento psicossocial.

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook