WhatsApp
Facebook

Campina Grande do Sul vai receber na próxima terça-feira (25), no Teatro Municipal José Carlos Zanlorenzi, no Jardim Paulista, o espetáculo “Procura-se uma Estrela”, que irá contar as aventuras de dois artistas que tentam convencer as pessoas a serem doadoras de medula óssea. A peça terá duas apresentações, as 9h30 e as 19h30, e será apresentada com música ao vivo e com participação de bonecos. A entrada é gratuita.

O espetáculo retomou em 2022 as apresentações presenciais e segue em temporada até começo de dezembro, passando, ao todo, por sete cidades do Paraná, com 19 apresentações gratuitas em escolas e teatros.

Segundo o diretor Adriano Esturilho, a intenção da peça é levar informações sobre o tema aos mais variados públicos. “É muito difícil conseguir um doador compatível e por isso é de extrema importância aumentar os cadastros de voluntários”, pontua.

Dentro da família, a chance de ter um doador compatível é de 30% e fora sobe para a proporção de um compatível a cada cem mil doadores. “A gente acredita na arte como ferramenta capaz de criar cidadãos mais conscientes e solidários”, completa, sobre o espetáculo criado em 2005 a pedido do Laboratório de Imunogenética e Histocompatibilidade da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Desde sua criação, o espetáculo já passou perto de 400 apresentações em espaços que vão de teatros à salas de aula, passando por salões paroquiais e espaços públicos, como ruas e praças. 

Na história, dois artistas transformam uma praça em palco e o tema sério se torna lúdico e leve com as peripécias da dupla que ganha vida pelo talento dos atores Renato Perré e Rafael Alípio. Eles tentam convencer a personagem de Carolina Maia, a Menina Brava, a deixar a birra de lado e fazer o cadastro em um Hemobanco mais próximo.

Teatro Municipal Vai Receber A Peca Procura Se Uma Estrela Apresentacao E Gratuita 1 Teatro Municipal Do Jardim Paulista Vai Receber A Peça “Procura-Se Uma Estrela”; Apresentação É Gratuita
Apresentação irá contar as aventuras de dois artistas que tentam convencer as pessoas a serem doadoras de medula óssea. Foto: Divulgação

Barreiros, um dos atores da peça comenta que esta retomada presencial está sendo ainda mais especial, já que em 2020 ele foi diagnosticado com câncer e viveu toda tensão, medos e inseguranças da doença. “Está sendo extremamente emocionante em vários sentidos. Me sinto mais no lugar de fala, como se diz hoje, de quem passou perto de precisar de uma doação de medula. Quando percebo a reação da plateia, quando eles ‘se tocam’ do que se trata. É muito intenso”, diz.

Ainda conforme o artista, a peça consegue prender a atenção das pessoas, em especial os mais novos. “Aos poucos, quem conta isso é nosso técnico de som, vão sendo atraídos e não desgrudam mais e no final estão com os olhos arregalados, corpo projetado pra frente, querendo saber o que vai acontecer. Então, o impacto artístico, cultural e social que este espetáculo traz é muito presente, quase palpável. A gente vai transformando, sendo transformado e sempre refletindo sobre a melhor abordagem”, completa.

Serviço

O que: Procura-se uma Estrela

Quando: 25/10 as 9h30 e 19h30

Onde: Teatro Municipal José Carlos Zanlorenzi (Av. Juscelino Kubitschek de Oliveira, 975 – Jardim Paulista – Campina Grande do Sul

Quanto: gratuito.

Informações: @procuraseumaestrela

Ficha Técnica:

Texto, direção e músico: Adriano Esturilho

Elenco: Carolina Maia, Renato Perré e Rafael Alípio.

Direção de produção: Carolina Maia e Bella Souza

Produção executiva e iluminação: Judy Fiorese

Assistência de produção e técnico de som: Candiê Marques

Articulador local: Rodrigo Duarte Humor

Técnico de luz: Victor Sabbag, Derico Santos e Luis Santos

Assessoria de imprensa: Adriane Perin/De Inverno Comunicação (www.deinvernocomunica.com.br)

Designer e social media: Guilherme Honorato

Produção: Processo Multiartes e Vão Livre Produções Artísticas

Apoio: COPEL

Incentivo: PROFICE / Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

PROJETO CIRCULA ESTRELA

Projeto Aprovado no Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura / PROFICE da Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook