WhatsApp
Facebook
Secretaria De Educação De Pinhais Promove Projeto De Incentivo À Leitura

A Secretaria de Educação (Semed) de Pinhais lançou, no dia 25 de agosto, o Projeto Literando, com o objetivo de mediar e incentivar o envolvimento de crianças e suas famílias com o mundo dos livros.

A iniciativa começou no CMEI Enedina Alves Marques, no bairro Estância Pinhais, e será estendida a todas as unidades de educação infantil da Rede Municipal de Ensino.

Presente na cerimônia de lançamento, a prefeita de Pinhais, Rosa Maria, afirma que a leitura é fundamental em qualquer processo de ensino-aprendizagem. “Sou professora de língua portuguesa e pela literatura alfabetizei muitas crianças. Precisamos investir em diversas áreas em nossa cidade, mas essa, sem dúvida, é uma área que demanda investimentos sempre. Ao sair pela cidade, sempre escuto elogios em relação à educação de Pinhais e os profissionais que aqui atuam são diferenciados”, enaltece.

A secretária de Educação, Andrea Franceschini, também enfatiza a questão de a boa leitura ser exigida em diferentes quesitos. “Hoje é o dia da Educação Infantil e aproveito para parabenizar a toda a equipe que atua nesta área em Pinhais. O incentivo à leitura é importante, afinal saber ler e interpretar se torna fundamental em todas as disciplinas. Portanto, esse hábito deve ser incentivado desde o berçário com as famílias. As tecnologias estão muito presentes na vida das crianças, mas a leitura não deve ser deixada de lado”, ressalta.

“Os livros são portas para o conhecimento. O gosto pela leitura deve ser desenvolvido nas crianças desde bebês, pois além de tornar a literatura infantil parte da vida dos pequenos, estimula a criatividade, a empatia, o raciocínio, o respeito, a imaginação, o desenvolvimento cognitivo e da linguagem e possibilita uma visão de mundo mais ampliada”, comenta a idealizadora do projeto Andressa Montilla, da gerência de Educação Infantil.

“O literando dá acesso às obras literárias de duas maneiras. As caixas literárias que são obras fixas na unidade de ensino e servirão para momentos de contação e contato das crianças. Também as sacolas literárias que levarão o encantamento das literaturas para as casas das nossas crianças, promovendo o hábito da leitura para crianças e famílias em seus lares”, explica Andressa.

Durante o lançamento, a pedagoga Elaine Siqueira de Amorim realizou a contação da história “A bruxa do batom azul”. O Projeto Literando distribuirá cerca de 10 mil livros para crianças da educação infantil nas unidades educacionais de Pinhais, com obras adequadas para as diferentes faixas etárias atendidas.

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook