WhatsApp
Facebook
Prefeitura De Pinhais Publica 4º Levantamento Do Índice Rápido Para Aedes Aegypti

A Prefeitura de Pinhais, por meio da Seção de Vigilância de Zoonoses da Secretaria de Saúde, divulgou os resultados do 4º Levantamento de Índice Rápido para o Aedes aegypti (LIRAa), referente ao período de 16 a 25 de outubro deste ano.

No decorrer desse levantamento, 3.017 imóveis foram inspecionados, revelando a presença de 26 focos positivos do mosquito Aedes aegypti em residências, comércios e terrenos baldios. O Índice de Infestação Predial no município foi de 0,66, classificado como satisfatório. Destaca-se que, dentro das residências, os locais mais propensos à presença de larvas do mosquito-da-dengue foram vasos e pratos de plantas.

“Esse levantamento é o último realizado no ano, totalizando quatro ciclos. Comparando os Índices de infestação ao longo do ano, foi verificado que eles variaram, apresentando nível de risco médio no 1° e 2° levantamento (com índices de 1,25 e 2,16 respectivamente) e baixo risco nos 3° e 4° levantamento, com índices de 0,53 e 0,66 respectivamente”, explica Priscila Cristiane Bordin, da Gerência de Vigilância em Saúde Ambiental, do Departamento de Vigilância em Saúde.

Apesar da redução do Índice de Infestação para o mosquito-da-dengue nos dois últimos levantamentos, as vistorias dos agentes de endemias resultaram na coleta de larvas de outros mosquitos que compartilham as mesmas condições de reprodução, constituindo potenciais recipientes para o Aedes aegypti. “Desses recipientes, os tonéis de armazenamento de água da chuva foram os principais focos de Aedes aegypti nos três primeiros levantamentos. Somente no último ocorreu mudança, com maior quantidade de focos em vasos e pratos de plantas”, salienta Priscila.

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook