WhatsApp
Facebook
Paraná Gera 87,6 Mil Novos Postos Em 2023, Consolidando-Se Como Maior Empregador Do Sul

No fechamento de 2023, o Paraná registrou a abertura de 87.599 novas vagas de empregos formais, consolidando-se como o maior empregador da região Sul e o quarto maior do Brasil, segundo dados divulgados pelo Ministério do Trabalho e Emprego, por meio do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) nesta terça-feira (30).

O saldo de vagas no Paraná, representando a diferença entre as 1781,284 admissões e as 1693,685 demissões ao longo do ano, foi superado apenas por estados mais populosos: São Paulo (390,719), Rio de Janeiro (160,570) e Minas Gerais (140,836). Na região Sul, o Paraná liderou, deixando Santa Catarina (62.665) e Rio Grande do Sul (47.395) para trás. O estado também contribuiu com 6% de todos os postos de trabalho abertos no Brasil em 2023, que fechou o ano com um saldo de 1.483.598 novas vagas.

Exceto pelo mês de dezembro, comum a todos os estados registrarem saldos negativos devido aos desligamentos pós-festas de fim de ano, o Paraná apresentou resultados positivos em todos os meses de 2023. O saldo de dezembro, entretanto, foi melhor que o do ano anterior, com -34.894 em dezembro de 2023, comparado a -36.911 no mesmo mês de 2022.

Ao longo do ano, foram abertos 7.147 novos postos em janeiro, 24.066 em fevereiro, 13.438 em março, 10.342 em abril, 8.023 em maio, 7.817 em junho, 7.230 em julho, 13.398 em agosto, 8.820 em setembro, 14.811 em outubro, 7.401 em novembro e 34.894 em dezembro.

Com esses resultados anuais, o Paraná mantém uma marca significativa, ultrapassando 3 milhões de pessoas empregadas com carteira assinada. O estoque de empregos atingiu, no ano passado, a marca de 3.010.716 trabalhadores formais no mercado paranaense.

O governador Carlos Massa Ratinho Junior enfatiza que o ambiente favorável aos negócios, a política de atração de investimentos e o comprometimento dos paranaenses com o trabalho contribuem para consolidar o Paraná como líder na geração de empregos na região Sul.

Mauro Moraes, secretário de Trabalho, Qualificação e Renda, complementa destacando que ao longo de 2023, o Paraná liderou entre os estados da Região Sul na geração de empregos, superando Santa Catarina em 40% e o Rio Grande do Sul em 85%. Ele ressalta que a quarta posição no ranking nacional reflete o sucesso das ações adotadas pelo Governo do Estado para a promoção de emprego e renda.

No que diz respeito aos setores, todos apresentaram resultados positivos na geração de empregos em 2023. O setor de serviços liderou, respondendo por 59% das vagas criadas, totalizando 51.824 novos postos. O comércio seguiu, com saldo de 16.684 vagas, seguido pela construção (8.568), indústria (7.162) e agropecuária (3.363).

Curitiba destacou-se como líder nas contratações, gerando 12.792 novos postos formais em 2023. Entre as dez principais cidades do estado, estão também Londrina (6.728), São José dos Pinhais (5.886), Maringá (5.272), Ponta Grossa (3.838), Foz do Iguaçu (2.824), Pinhais (2.779), Assis Chateaubriand (2.469), Colombo (2.419) e Toledo (2.257). No total, 306 cidades tiveram saldo positivo, representando 76,6% do Estado.

Foto: Jonathan Campos / AEN

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook