WhatsApp
Facebook
Paraná alcança a marca de 61,6 mil jovens empregados em 2023, melhor resultado do Sul

De janeiro a agosto de 2023, o estado do Paraná criou 61.638 novos empregos para jovens entre 18 e 29 anos, consolidando sua posição de liderança na empregabilidade para essa faixa etária na região Sul. Esse desempenho representou 42% das 144.475 contratações de pessoas com até 29 anos na região Sul. Santa Catarina registrou 44.681 empregos para jovens, enquanto o Rio Grande do Sul teve 38.156 contratações.

Em nível nacional, o Paraná ocupa a quarta posição no acumulado de 2023, ficando atrás apenas dos estados de São Paulo (274.139), Minas Gerais (105.774) e Rio de Janeiro (77.517) em termos de geração de empregos para jovens. Esses dados provêm do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho e Emprego.

No mês de agosto, o desempenho na empregabilidade dos jovens seguiu a mesma tendência dos rankings regional e nacional para o acumulado do ano. Foram registradas 8.878 contratações de trabalhadores entre 18 e 29 anos, representando um aumento de 24,9% em comparação com o mês de julho, quando 6.584 jovens conseguiram empregos formais. Santa Catarina e Rio Grande do Sul tiveram 5.200 e 4.459 contratações na mesma faixa etária, respectivamente.

No ranking geral, o Paraná também se destacou, ficando atrás apenas dos três estados mais populosos do país. São Paulo liderou com 44.140 novos empregos para jovens, seguido por Minas Gerais (13.358) e Rio de Janeiro (11.762).

“O Paraná promove, por intermédio das Agências do Trabalhador e postos de atendimento, ações de empregabilidade para públicos específicos em todas as regiões. Estamos vendo esse mesmo movimento no mercado privado”, ressalta o secretário de Trabalho, Qualificação e Renda, Mauro Moraes. “Nos últimos meses alcançamos bons resultados em todos os indicadores, dos jovens aos idosos, dos homens e mulheres, reforçando a nossa posição econômica muito forte neste ano”.

Além disso, segundo o Caged, de janeiro a agosto de 2023, o Paraná registrou um saldo positivo de 39.181 novos postos de trabalho ocupados por mulheres, o quarto melhor resultado do país. Quanto à contratação de trabalhadores com 60 anos ou mais, a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio Contínua (Pnad Contínua) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelou que, de janeiro a junho de 2023, o Paraná atingiu a marca de 400 mil trabalhadores nessa faixa etária ocupados, o maior número desde o início da série histórica em 2012.

Foto: José Fernando Ogura

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook