WhatsApp
Facebook
Obras do Novo Hospital de Pinhais iniciam com assinatura da prefeita Rosa Maria e governador Ratinho Jr

A prefeita de Pinhais, Rosa Maria, e o governador Carlos Massa Ratinho Júnior assinaram na terça-feira (6) a ordem de serviço para a construção do Novo Hospital de Pinhais. A cerimônia foi realizada durante a manhã na Rua 21 de Abril, esquina com a Av. Nossa Senhora da Boa Esperança, no Centro.

O novo hospital terá mais de 14 mil m² e contará com 90 leitos, sendo 20 de UTI e atendimento 100% voltado aos pacientes do SUS. Com recursos já garantidos pela Prefeitura de Pinhais, Governo do Paraná e financiamento via BRDE, o investimento base é de R$ 127 milhões. Com execução projetada em dois anos, a entrega da obra está prevista para dezembro de 2024.

Diversas autoridades do município, das cidades vizinhas e Estado, servidores e população em geral estiveram presentes no lançamento da pedra fundamental da obra. Além da prefeita Rosa Maria e do governador Carlos Massa Ratinho Jr, o documento que autoriza a construção do hospital foi assinado pelo secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, e pelo diretor-presidente do BRDE (Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul), Wilson Bley Lipski.

Acompanharam a solenidade a secretária de Saúde de Pinhais, Adriane da Silva Jorge Carvalho e demais secretários municipais; o presidente da Câmara Municipal, vereador Marcinho e os vereadores, Arnaldo do Vizinho Solidário, Aparecido Sanches, André de Paula, Binga, Carlinhos do Eliza, Fabrício Sousa, Fernando Santos, Filho, Jane Carteira, Paulão, Pioco, Polaco do Pérola, Radialista Joãozinho Ribeiro e Tomé; a deputada estadual Marli Paulino e demais parlamentares da Alep; o ex-deputado federal Luizão Goulart; a primeira enfermeira que tomou a vacina da covid em Pinhais, Glair Portela Sadoski, representando todos os profissionais de saúde; e Rossi, representando o consórcio empresarial Saúde Pinhais Ltda.

Funcionamento

A estrutura será equipada com centro cirúrgico, incluindo salas obstétricas cirúrgicas, leitos de Recuperação Pós-Anestésica (RPA) e centro para a realização de partos normais. Também haverá um pronto-socorro obstétrico e um ambulatório com obstetrícia e centro de especialidades, além de estrutura de apoio para exames como diagnóstico por imagem, tomografia, raio-X, endoscopia e colonoscopia.

Entre as vantagens do modelo, está a contratação única para a obra e operação, estabelecimento de metas de desempenho, compartilhamento de riscos, redução com cursos de pessoal, mais eficiência administrativa e qualidade nos serviços prestados.

Além do aumento imediato de capacidade de atendimento médico municipal, com possibilidade de operações de alto risco e novas UTIs, o projeto do hospital prevê que ele pode ser ampliado no futuro em caso de aumento de demanda.

Presenças

Além das pessoas já mencionadas, participaram do evento a juíza da Vara da Família, Marcia Regina Hernandez de Lima; o diretor-presidente e promotor da 2ª Promotoria de Justiça de Pinhais, Ronaldo Mion; o vice-prefeito de São José dos Pinhais, Professor Assis; representando o prefeito Gerson Colodel de Almirante Tamandaré, o secretário de gabinete Aristides Machado; o prefeito de Piraquara, Josimar; o prefeito de Campina Grande do Sul e presidente da Assomec (Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Curitiba), Bihl Zanetti; o vice-prefeito de Campo Magro, Osmar Leonardi; o prefeito de Fazenda Rio Grande, Marco Antonio Marcondes Silva; o comandante do Corpo de Bombeiros de Pinhais, tenente Brustolin; o delegado de Pinhais, Hormínio Lima Neto; a Miss Primavera de Pinhais 2019, Cristina Maria Rodrigues Ferreira, e o Mister Melhor Idade de Pinhais, Francisco Conte.

Fotos: Elizio Siqueira / Jornal União.

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook