WhatsApp
Facebook
Marido que matou esposa no Dia Estadual de Combate ao Feminicídio no PR é preso

O marido acusado de matar a própria esposa em sua residência durante o Dia Estadual de Combate ao Feminicídio no Paraná foi detido na noite de segunda-feira (24), conforme informações da Polícia Civil de Pato Branco, região sudoeste do estado.

O corpo de Daiane Anastácia Ribeiro, de 29 anos, foi encontrado no sábado (22) por familiares, que, preocupados por não conseguirem contato com ela, foram até a casa onde a vítima vivia com o marido.

De acordo com relatos da família, Daiane foi encontrada caída em um dos cômodos da residência, apresentando múltiplos ferimentos.

O nome do homem, suspeito do crime, não foi divulgado. Ele foi detido pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) quando se deslocava no sentido Curitiba a Pato Branco. Detalhes sobre o local exato da prisão não foram informados pela polícia.

A delegada de Polícia Civil, Keila Maria Mafioletti, revelou que o suspeito permaneceu em silêncio durante o interrogatório.

No estado do Paraná, 77 mulheres foram vítimas de feminicídio em 2022, de acordo com o 17º Anuário Brasileiro de Segurança Pública.

O crime em questão ocorreu na madrugada do sábado (22), dia em que uma caminhada na cidade foi realizada para reforçar a importância do combate ao feminicídio.

A polícia suspeita que a mulher tenha sido agredida e estrangulada pelo homem, mas aguarda os laudos do Instituto Médico-Legal (IML) para esclarecer as circunstâncias da morte.

Familiares relataram que o suspeito tinha uma relação conturbada com Daiane e era usuário de drogas. O sepultamento de Daiane ocorreu na segunda-feira (24).

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook