WhatsApp
Facebook
Início do Processo de Regularização Beneficia 140 Famílias da Planta Auriverde

Uma colaboração entre a Prefeitura de São José dos Pinhais e o Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) está causando uma transformação no acesso à habitação digna no município. O Programa Moradia Legal tem como foco central a regularização fundiária de terrenos, assegurando aos cidadãos o direito à documentação legítima de suas propriedades. Recentemente, o programa alcançou um novo marco ao iniciar o processo de regularização de 140 propriedades, beneficiando os moradores da Planta Auriverde, na região da Borda do Campo.

Desde o seu lançamento, o Programa Moradia Legal tem tido um impacto positivo em centenas de famílias, regularizando cerca de 500 propriedades em São José dos Pinhais. Com uma visão voltada para o futuro e um compromisso com o bem-estar dos cidadãos, o programa tem a meta de regularizar aproximadamente 2.300 propriedades, consolidando o direito à habitação digna para os residentes de São José dos Pinhais.

A prefeita de São José dos Pinhais, Nina Singer, ressaltou a importância vital desse programa para a cidade e seus habitantes. “O Programa Moradia Legal é um exemplo notável de como a colaboração entre instituições pode causar um impacto profundo. Estamos empenhados em garantir que cada cidadão possua sua propriedade de forma legal, proporcionando não apenas habitação digna, mas também impulsionando o desenvolvimento sustentável de nosso município”.

Camila Monteiro, secretária municipal de Habitação, enfatizou o impacto positivo que a regularização fundiária traz para a comunidade. “O Programa Moradia Legal vai além da simples documentação. Ele oferece o sentimento de pertencimento e a construção de uma base sólida para as famílias. Estamos trabalhando incansavelmente para efetivar esse direito essencial, transformando realidades e construindo um futuro mais estável para todos”.

Com o sucesso do programa, São José dos Pinhais reafirma seu compromisso com a qualidade de vida dos moradores. A parceria entre a Prefeitura e o Tribunal de Justiça do Paraná ilustra de que forma a colaboração entre instituições pode criar mudanças significativas na vida das pessoas, estabelecendo um novo padrão de acesso à habitação digna e segura. À medida que o Programa Moradia Legal continua alcançando novos avanços, a expectativa é que mais famílias se beneficiem dessa iniciativa, fortalecendo as bases de uma sociedade mais igualitária e justa.

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook