WhatsApp
Facebook

A Urbanização de Curitiba (Urbs) expandirá para todos os 22 terminais urbanos da cidade a opção de pagamento de créditos (passagens) para o cartão-transporte (usuário, avulso e estudante) utilizando cartões de débito e crédito.

Essa funcionalidade, que já estava em vigor desde outubro do ano passado em 13 terminais, estará disponível nos últimos nove a partir da próxima semana: Boa Vista, Portão, Centenário, Oficinas, Caiuá, Campina do Siqueira, Fazendinha, Boqueirão e Hauer.

O número de máquinas para recarga disponíveis também será aumentado, passando de 18 para 46. A implantação será concluída até sexta-feira (8/3).

Apesar da novidade, o pagamento em dinheiro continuará sendo aceito nos terminais, assim como antes. A instalação das máquinas atende a uma solicitação dos passageiros que preferem recarregar seus cartões nos terminais.

Não há cobrança de taxa para a compra de créditos com pagamento em dinheiro. Porém, ao utilizar cartão de débito, há uma taxa de R$ 6,08 (1,26%) e com cartão de crédito, a taxa é de R$ 6,12 (1,99%), valores referentes às taxas cobradas pelas operadoras de cartão. Os créditos são carregados imediatamente no cartão-transporte após a compra.

“Todas as catracas dos 22 terminais contarão com máquinas para recarga do cartão-transporte, o que deve facilitar a vida dos passageiros. Em terminais maiores, como Pinheirinho, haverá quatro equipamentos à disposição dos usuários”, destaca Vilson Kimmel, gestor da área de Tecnologia da Informação da Urbs.

Além da recarga nos terminais, os usuários têm diversas opções para adquirir créditos do cartão-transporte, incluindo whatsapp, aplicativos, lojas físicas e internet. No entanto, dentro dos ônibus da capital, apenas pagamentos com cartão-transporte, débito ou crédito são aceitos.

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook