WhatsApp
Facebook

A Caixa Econômica Federal e os Correios anunciaram nesta segunda-feira (25) que os serviços tradicionalmente oferecidos pela Caixa, como o Programa de Integração Social (PIS), o Fundo de Garantia do Tempo de Serviços (FGTS) e o seguro-desemprego, estarão disponíveis nas unidades dos Correios. Em contrapartida, os cidadãos poderão postar e retirar encomendas em pontos de coleta instalados nas casas lotéricas.

Os presidentes da Caixa, Carlos Vieira, e dos Correios, Fabiano Silva dos Santos, firmaram a parceria, que também inclui a realização de atendimentos presenciais ou virtuais por funcionários da Caixa em espaços dentro das unidades dos Correios.

Os clientes da Caixa terão acesso a atendimento por videoconferência para serviços como atualização cadastral, desbloqueio de senhas, consulta e autorização de saque de benefícios sociais, além de orientações sobre abono salarial, seguro-desemprego, FGTS e Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Essa integração entre a Caixa e os Correios foi testada desde 12 de março em uma agência postal em Peixe-Boi (PA). Carlos Vieira anunciou que 500 dos 13 mil correspondentes bancários do banco já recebem encomendas dos Correios.

O objetivo é oferecer serviços do banco em todas as unidades dos Correios até o fim do ano, priorizando as localidades sem pontos de atendimento da Caixa. Quanto às lotéricas, a expansão do atendimento dependerá da adesão das unidades.

Além disso, o acordo prevê o compartilhamento de imóveis entre os Correios e a Caixa, visando ampliar a cobertura presencial das duas empresas e contribuir para a recuperação e modernização de propriedades da União.

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook