WhatsApp
Facebook
Campina Grande do Sul, cidade onde infraestrutura e emprego crescem juntos

O crescimento do emprego formal no país apresentou uma particularidade. Cidades de médio porte, que começam a investir em infraestrutura para atração de novas empresas, se saíram melhor, em termos porcentuais, do que os grandes centros urbanos.

Em Campina Grande do Sul não foi diferente. A cidade fecha o ano de 2023 com um bom desempenho na geração de empregos e diante de uma série de avanços em áreas fundamentais para o desenvolvimento do município. O período foi marcado por grandes obras de infraestrutura e logística, além de avanços em educação, inovação e saúde.

No quesito infraestrutura, duas importantes obras de pavimentação foram realizadas na área industrial da Cicamp e na Estrada do Corredor. Somadas às demais obras de pavimentação pelo município, são mais 50 quilômetros de asfalto que contemplam o maior plano de investimentos que Campina Grande do Sul já recebeu, e que deixará um legado na vida dos campinenses nos próximos anos.

Obras De Pavimentacao Na Cicamp Estao Atraindo Novas Empresas A Regiao 1 Campina Grande Do Sul, Cidade Onde Infraestrutura E Emprego Crescem Juntos
Obras de pavimentação na Cicamp estão atraindo novas empresas à região

No Cicamp, bairro que concentra o maior número de indústrias no município, as benfeitorias além de facilitar a logística das indústrias já presentes na região, estão atraindo novas empresas, e consequentemente impactando positivamente na geração de postos de trabalho.

Com investimentos de quase R$ 2 milhões, oriundos de recursos estaduais, foram concluídas a pavimentação asfáltica da Avenida Lindolfo Henrique Ferreira, popularmente conhecida como a “Estrada do Corredor”, que interliga o bairro Eugênia Maria à PR -506 (Rodovia do Caqui). Foram pouco mais de 2 quilômetros de pavimentação. Além do asfalto, a via recebeu betuminosos (material adesivo), serviços de sinalização vertical e horizontal, terraplanagem e drenagem.

As obras na Estrada do Corredor acompanham ainda um investimento milionário que o Coritiba Footbal Club está planejando, que é a construção do seu novo Centro de Treinamento que será implantado na localidade do Butiá. O clube já possui um terreno de 460 mil m² na região e no local pretende formar atletas de base e jogadores de futebol. A estrutura será de primeiro mundo, “digna de clube de futebol europeu”, garante seus dirigentes. A obra está recebendo um investimento inicial do clube de R$ 100 milhões, podendo chegar até a R$ 500 milhões, e deve ficar pronta até fevereiro de 2025.

Projeto Do Novo Ct Do Coritiba Que Esta Sendo Instalado Na Localidade Do Butia Campina Grande Do Sul, Cidade Onde Infraestrutura E Emprego Crescem Juntos
Projeto do novo CT do Coritiba que está sendo instalado na localidade do Butiá

A execução de tais investimentos no município vem impactando para além das obras estabelecidas. Com trabalho, dedicação e reuniões com empresários, juntos a Prefeitura Municipal, o Governo do Estado e a Invest Paraná, conseguiram atrair várias empresas para o município.

Desde o início das obras, a geração de empregos cresceu de forma direta, sendo que só em 2023 foram encaminhadas 1.695 pessoas às vagas de trabalho. Os principais desempenhos foram puxados pelo segmento de e-commerce, a exemplo da instalação dos centros de distribuição do Mercado Livre e da Shoppe, duas gigantes que lideram o mercado de vendas online no Brasil. Entre os novos investimentos no município estão também indústrias de metalurgia, metalmecânica, tintas, química, alimentos, logística, plástico, material educacional, e outros.

Outro segumento que se destacou neste ano foi o de cosméticos, incentivado pelo centro logístico do Grupo Boticário, que trouxe ao município um investimento de cerca de R$ 107 milhões. O novo empreendimento, com mais de 20 mil m², é o único do estado atendendo franqueadas e vendas multimarcas realizadas através da empresa com garantia de separação de 871.000 produtos/dia. Foram geradas cerca de 500 novas vagas de trabalho.

De acordo com dados da Secretaria do Trabalho, Qualificação e Renda, do Governo do Estado – SETR, em 2023 o município figurou durante seis meses entre as principais cidades que mais geraram postos de trabalho na região metropolitana e no estado. Os destaques ficaram com os meses de março e abril, em que Campina Grande do Sul ficou em 3º lugar entre os municípios que mais empregam na região metropolitana de Curitiba, sendo ainda o 13º e 1º colocado, respectivamente no ranking de 399 cidades do estado. Esse resultado foi parecido em novembro do ano passado, em que o município ficou em 1º na região metropolitana no mesmo setor.

Foto: Diego Tiller / PMCGS

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook